quinta-feira, novembro 06, 2008

Dentro de momentos...

Arrumada a eleição americana e com todas as dúvidas que irão continuar a existir até janeiro, é possível deixar o Obama em stand-by e voltar aos sumarentos pormenores da política nacional.
Para o ano que vem vai haver festa rija com europeias, autárquicas e legislativas, e tem havido durante a minha travessia no deserto algumas coisas sobre as quais ainda quero falar.
Além disso vão sempre acontecendo todos os dias novos episódios dessa revolução comunista que nacionaliza bancos.
Muito para dizer, mas prometo não falar num mês tudo o que a Manuela Ferreira Leite não disse em seis. Não lhe quero roubar a iniciativa política.

4 comentários:

Nuno Guronsan disse...

Nota-se que a ausência te deixou muito mais humilde na análise da tua amada política. Ou pelo contrário, será já um aviso do que nos aguarda durante a tua etapa estudantil? Medo...

Seja bem regressado.

Abraço.

José Raposo disse...

Descansa, não estarei particularmente diferente depois dessa etapa :)

Nuno Guronsan disse...

Não sei, não sei...
Esperemos pelo segundo ano, quando começar a contestação :)))

Golfinho disse...

pois, viremo-nos novamente para socrates