sexta-feira, novembro 17, 2006

Raríssimo

Acabo de concluir que tenho um problema raro que afecta apenas uma parte muito pequena dos portugueses. Sou pontual... Tenho sintomas muito expressivos. Fico com suores frios e dores no estômago quando as horas a que combinei alguma coisa com alguém, se começam a aproximar e eu ainda não consegui chegar. Irrita-me, quase ao ponto da irracionalidade, que me façam esperar. Eu sei que isto faz mal aos fígados, mas o que querem... Sou doente... Tenho de ir ao médico para me ajudar a combater esta fatalidade que se abateu sobre mim... Quero ser um baldas

4 comentários:

Nuno Guronsan disse...

Isso cheira-me a doença mental... Tenho um livro que te pode ajudar imenso.A mim, pelo menos, já me iluminou quanto a todas as minhas tendências neuróticas, paranóicas e compulsivo-obcessivas...

Nelson Peralta disse...

Já somos dois! Nunca compreendi porque é que tudo tem que começar com pelo menos meia hora de atraso.

Soluções não as conheço para me habituar! Apenas tento outras para tentar que as pessoas cheguem a horas! Por exemplo nunca marco reuniões ou jantares para horas certas! Se marcar às 21h50, ou até mesmo 21h52... a probabilidade de a pessoar lá estar às 22h00 é altissima. Ao passo que anunciar 22h me parece que, quem ouve, nunca leva a sério a pontualidade!

Ok, acho que ainda sou mais neurótico por ter esta "solução", não?

miga disse...

o pior drama de se ser pontual são as enormes secas que os nossos amigo nos dão... é verdade. nós marcamos um jantar para as 20:30, pq sabemos que ninguém chega a horas e o atraso médio é, no minimo, de meia hora. Nós sabemos isto...então expliquem-me: porque é que nós chegamos lá às 20:30? nós que sabemos q a hora não vai ser cumprida e inventámos um estratagema ...caímos na nossa esparrela!
quando é que aprendemos?

max disse...

Contem com outro desses raríssimos aqui :)